segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

TEMPO DE CARTAS III




As finas letras desta carta pertencem à Dona Preta - Maria Aparecida Santos Teixeira - mãe de meu amigo Rinaldo Santos Teixeira, autor do livro Leo, o pardo, I Prêmio Literatura Para Todos na categoria biografia. Conheci Rinaldo em Brasília no dia da premiação, visto que meu livro Batata cozida, mingau de cará foi contemplado na categoria tradição oral.
As conversas iniciadas nesse dia continuaram por e-mail e foi então que Rinaldo me contou sobre uma mulher admirável - sua mãe, Dona Preta - faxineira, merendeira, costureira e mediadora de leitura - a maior que Campo Belo ( MG) já conheceu. Desde os 17 anos, Dona Preta cuida da formação de leitores. Primeiro cuidou dos irmãos mais novos, depois zelou pela formação leitora dos filhos e, hoje, aposentada, cuida da formação literária dos netos. Ao saber que ela pretende criar uma biblioteca comunitária, passei a enviar-lhe livros de meus autores prediletos como colaboração para a formação do acervo da biblioteca.
Mulheres como Dona Preta vencem o mundo, vencem tudo. Espero um dia conhecê-la e abraçá-la. De longe ela já me "fisgou", que dirá de perto!





6 comentários:

JU disse...

Olá Eloi tudo bem?
Sou irmã do Rinaldo ,
filha desta senhora maravilhosa que
é a D.Preta,o Rinaldo me fala muito sobre vc e me passou o link do seu blog e desde então to eu aqui sempre fazendo uma visitinha .
Obrigada pelo carinho com minha mãe e irmão e tbm pelos livros que nos envia ,todos adoram .Bjinhos e tudo de bom pra vc sempre.

jackieisis disse...

Nossa, que carta mais sensível e honesta. Espero um dia ter a honra de conhecer Dona Preta, poder escutar sua histórias e ensinamentos de vida! Bjus pra vcs!!! tudo de bom, eloi, muito lindo seu blog! a idéia das cartas scaneadas é 10!

Everaldo disse...

Olá Eloí.
Sou sobrinho da Dona Preta e sei o quanto ela te fisgou.
Essa senhora realmente é maravilhosa e tenho certeza que quando você conhecê-la pessoalmente, nunca mais a esquecerá.
Abraços.
Everaldo.

Gika disse...

Oi, Eloí,
Essa carta emociona,
Sensibiliza,
Apaixona.
Disseminar a leitura é vida, sonho, vantasia, viagem, emoção.
Adorei o Blog.
Grande beijo

Gina Martins disse...

Minha querida,
que saudades.
vamos fazer um encontro de literatura infantil aqui na UFRJ e quero trazer você.
Beijos

Ritissima disse...

Oi Eloi!!!
Tudo bem? sou prima do Rinaldo e sobrinha dessa sábia senhora...faz tempo que recebi o e-mail do Ri avisando sobre a carta da D.Prêta...mas só hoje estou vendo essa postagem maravilhosa...fiquei emocionada...pois tive o privilégio de conviver durante a minha infância com essa tia querida ... e desde aquela época sempre a achávamos uma pessoa além de seu tempo...mulher sábia que sempre acreditou na vida e nas pessoas...eu sou bibliotecária e só aqui no seu blog que tomei conhecimento do projeto dela e com certeza lhe darei o apoio que estiver ao meu alcance...amei d+ tudo isso!!!
Para você um grande abraço e parabéns por esse lindo espaço
Rita de Cássia